26
mar
11

JONAS 2, O DEUS QUE ATENDE NOSSAS ORAÇÕES

 

JONAS 2

TEMA: O DEUS QUE ATENDE NOSSAS ORAÇÕES

TEXTO: Jn.2:1-10

INTRODUÇÃO:

1. O ventre da terra deu a luz. Essa foi um dos temas de muitas reportagens sobre o resgate dos mineiros no Chile.  Passaram mais de dois mêses à mais de setecentos metros abaixo da terra. No dia 12 de outubro no ano de 2010, a terra cedeu e os engoliu. Todo mundo acompanhou um dos resgates mais bem sucedidos do mundo. Transmitido ao vivo por vários canais de tv, rádio e internet. Todos os trinta e três mineiros foram salvos de forma espetacular.

2. Jonas está em situação semelhante. Não no ventre da terra, mas no ventre do grande peixe, 1:17.

Orando e buscando ao Senhor quando em extrema dificuldade, cap.2:1-10.

3. No capítulo um, Jonas não orou. Quando comprou uma passagem de navio na cidade de Jope e do porto dessa cidade se dirigiu rumo a cidade de Társis, V.3. Semelhantemente não buscou à Deus em meio a tempestade, V.4. Do mesmo modo não orou quando todos no barco clamavam cada um ao seu deus, V.5. Não clamou aos céus quando sua fuga se tornou pública, V.10. Nem quando os marinheiros tentaram salvar sua vida, V.13. Nem ao menos clamou à Deus quando no mar foi lançado, V.14.

4. Quando no ventre do peixe orou ao Senhor. (A) Gritou em grande desespero, V.2. (B) Revela a crise que está passando, V.3. (C) Pensou em não mais sair dessa situação, V. (D) Estava em meio a muitas algas marinhas, V.5. (E) Alguns comentaristas chegam a dizer que nessa ocasião o profeta de fato morreu, V.6. (F) Se apóia na misericórdia de Deus, V.8. (G) Reconhece que só Deus pode Salvar, V.9. (H) Por ordem do Senhor o fujão é lançado na praia, quando nem o peixe suportou o profeta em seu estômago, V.10 Quais lições podemos aprender dessa oração do profeta.

I – Seja qual for nossa angústia devemos buscar ao Senhor, V.1,2.

1. Angústia no ventre do abismo. Sua alma está cercada, V.5. Ele fala de sepultura, V.6. Está desfalecendo, V.7.

2. Passamos por muitas angústias nesta vida. Na família: Rebeldia dos filhos, crise no casamento, separação,  morte de um ente querido. Na vida espiritual: falta de paz, pecados não confessados, indiferença para com Deus. Na vida pessoal: Insatisfação, depressão, frustração.

3. Clame a Deus. Ele é capaz de ouvir nossas orações e nos socorrer em todo tempo e situações das mais extremas, V.2,7.

“…E disse: Na minha angústia chamei ao SENHOR, e ele me atendeu; do ventre do inferno gritei, e tu ouviste a minha voz…” V.2.

“… Quando desfalecia em mim a minha alma, lembrei-me do SENHOR; e entrou a ti a minha oração, no teu santo templo…,” V.7

II –  Devemos confessar nosso estado desesperador diante do Senhor, V. 3-6.

1. Jonas rasgou seu coração  ao Senhor. Ele fala de sua situação. De seu instante critico. Do pesadelo que enfrenta no ventre do peixe. Era uma angústia profunda, uma situação desesperadora. Um beco sem saída. O fim pra ele estava próximo. Sua alma encontrava-se atribulada. Ondas pesadas passavam sobre ele.  Mesmo assim,  buscou ao Senhor como solução para esse grande pesadelo.

2. Confesse a Deus quem você é e o que está lhe causando tanto sofrimento. Abra o seu coração para Deus. Confie nEle. Creia no seu poder. Ele traz verdadeiro perdão para você. Deus não nos trata segundo os nossos pecados. Para qualquer pecado há provisão no sangue do Cordeiro de Deus que tira o pecado do mundo, Jesus, o filho de Deus. Revele sua situação para Ele, por mais difícil e extrema que seja, Deus pode te ajudar.

3. O exemplo de Manassés. II Cron.33:1-13

III – Devemos nos apoiar na misericórdia do Senhor, V.8.

1. Jonas sabe que Deus é misericordioso, Cap.4:2. No V.8 do Cap.2 Jonas diz que aqueles que se apegam ao ídolo, se afastam da misericórdia do Senhor. No entanto, Ele conhece o Deus vivo, o qual está orando. Esse Deus verdadeiro é cheio de ternas misericórdias. Ele se compadece do aflito, injustiçado, miserável e sem esperança. Daquele que não tem saída. Sua compaixão é grande para conosco.

2. O contexto do Profeta Jeremias. Era um instante de grande desolação, abandono, desespero e escravidão. Em meio a tudo isso, o profeta fala da misericórdia do Senhor, “… As misericórdias do SENHOR são a causa de não sermos consumidos, porque as suas misericórdias não têm fim;  Novas são cada manhã; grande é a tua fidelidade…”. O profeta diz ao menos quatro características da grande misericórdia do Senhor: 1. São as causas de não sermos consumidos, 2. Não têm fim, 3. Se renovam a cada manhã, 4. Tem como base a fidelidade do Senhor e não nosso mérito.

3. A oração de Davi no Salmo 51. Esse Salmo relata sua experiência de arrependimento e o quanto Deus foi misericordioso para com Davi. Mesmo  quando  Davi adultera com Bate-Seba e é culpado pela morte de seu esposo, Urias. Deus foi compassivo e longânimo para com o rei Daví. Tudo tem princípio na misericórdia do Senhor, creia nesse Deus.

IV- Devemos exalar espírito de gratidão ao Senhor, V.9, p.a.

1. Ser grato a Deus em todo tempo. Jonas promete cumprir seus votos de gratidão ao Senhor. Em meio a tragédia, lembrou de dar graças a Deus. Levantar a voz de agradecimento ao Senhor. Seus lábios, sua voz, seu coração, sua alma, todo seu ser. Estava envolvido neste espírito de gratidão. Murmuração não é mais sua canção. Seu louvor agora é agradecer a Deus, não só por suas dádivas, mas pelo que Deus é, em seu Ser.

2. Jamais esqueça de agradecer à Deus. Não faça como aqueles leprosos. Foram curados e não voltaram para agradecer ao filho de Deus, que lhes curou, Lc.10:11-19. Só um voltou para agradecer, siga o exemplo desse que retornou. E porque foi grato ao Senhor, dEle recebeu a cura de sua alma. Foi salvo por Cristo.

V- Devemos reconhecer a necessidade de corrigir nossa vida diante do Senhor, V.9, p.b.

1. Ele diz que o seu voto ao Senhor seria cumprido. Agora Jonas se mostra desejoso de cumprir toda vontade do Senhor. Sua história começa com desobediência, mas agora começa a ficar diferente.

Depois da tribulação que passou,  aprendeu que sua vida deveria passar por uma reformulação. Aprendeu a obediência pelo sofrimento.

2. Por que temos que aprender do modo mais difícil. Deveríamos servir a Deus em todo os momentos da nossa vida. Infelizmente nosso coração endurece para obedecer a Deus. E é nessa hora, que nós filhos de Deus, somos disciplinados para aproveitamento, crescimento, edificação e correção do nosso caminhar com Deus. Feliz aquele que encontra em Deus, um caminho de restauração, para que prossiga pela fé, servindo ao Senhor.

3. Um exemplo que nos motiva a voltarmos para Deus. O filho pródigo que se humilhou diante de seu pai e foi recebido com muito amor e festa, Lc.!5

VI – Devemos saber que orar ao Senhor é importante, mas principalmente tê-lo como Salvador, V.9, p.c.

1. Do Senhor vem a Salvação. Essa era a convicção do profeta Jonas naquela extrema crise. Ele ora ao Senhor, mas seu livramento não veio por suas palavras, pelo seu clamor, por frases bem colocadas, pela forma poética de sua oração. O livramento veio porque ao Senhor pertence a salvação.

2. Do Senhor vem a Salvação. O Senhor tem poder de Salvar. Ele é o único Deus que Salva o homem por completo. A ORIGEM DA Salvação está em Deus, dele provém toda nossa Salvação. Se não fora o Senhor, que primeiro tomasse à atitude de nos Salvar, estaríamos perdidos para sempre.

3. Do Senhor vem a Salvação. Foi o Senhor e nenhum outro, que nos proporcionou uma grande Salvação em Cristo. O filho de Deus morreu na cruz do calvário por nós. Ele nos Salvou e é capaz de sustentar essa Salvação até o fim da nossa existência. Em nós, vai sendo aperfeiçoado essa Salvação. Não porque ela é imperfeita, mas porque nós somos imperfeitos. E essa completa Salvação, vai nos preparando para assumir nossa redenção completa. Quando seremos glorificados em Cristo Jesus e entraremos nos céus.

“…As minhas ovelhas ouvem a minha voz, e eu conheço-as, e elas me seguem;  E dou-lhes a vida eterna, e nunca hão de perecer, e ninguém as arrebatará da minha mão.  Meu Pai, que mas deu, é maior do que todos; e ninguém pode arrebatá-las da mão de meu Pai. Eu e o Pai somos um…” Jo.10:27-30

 


0 Responses to “JONAS 2, O DEUS QUE ATENDE NOSSAS ORAÇÕES”



  1. Deixe um comentário

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: